Boccia na EB1 Nº8

No dia 16 de Fevereiro realizou-se na EB1 nº8 a atividade “Boccia na Escola”, organizado pelas docentes de educação especial da Unidade Especializada e dinamizado pela Escola de Boccia da Associação de Paralisia Cerebral de Almada/Seixal A.P.C.A.S.).

Frequentam este estabelecimento escolar do nosso agrupamento dois alunos praticantes desta modalidade desportiva, portadores de graves limitações motoras.

A atividade visou a sensibilização dos alunos e docentes para a prática desta modalidade, sendo realçado os seguintes aspetos:

Øpoder ser praticada por todos, independentemente das limitações motoras e idade;

Øpermitir o exercício das capacidades físicas (destreza, força, coordenação motora, preensão) e o exercício mental (cálculo de distâncias e velocidade, criatividade e estratégia);

Øestimular o relacionamento interpessoal;

Øfacultar o espírito de competição saudável;

Øelevar a auto-estima e ser muito Divertido!!!

 

A atividade decorreu durante toda a manhã e envolveu as oito turmas da escola. Os alunos participaram com entusiasmo e alegria, sendo de valorizar o comportamento adequado que manifestaram e a vontade de praticar esta modalidade nas aulas de expressão físico/motora.

 

Orçamento participativo das Escolas

A votação será realizada no dia 24 de março

 

PROPOSTAS DE MELHORAMENTO (15/03)

  1. Melhoramento de espaços para abrigar os alunos durante o inverno;
  2. Arranjo dos bebedouros da escola;
  3. Arranjo das casas de banho dos blocos B e F
  4. Arranjo do telhado do pavilhão gimnodesportivo
  5. Melhoramento do largo do Jacaré
  6. Arranjo das mesas de ténis de mesa exterior (pintura, colocação da rede)
  7. Substituição das fechaduras das casas de banho
  8. Colocação de pelo menos mais um chafariz
  9. Criação de um espaço para refeições ao ar livre
o Jacaré

ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

1.      Nos termos do Despacho nº 436-a/2017, do Gabinete do Ministro, é aprovado o Orçamento Participativo das Escolas;

2.      O Orçamento Participativo das Escolas tem como objetivo, entre outros, estimular a participação cívica e democrática dos estudantes, promovendo o seu espírito de cidadania e o diálogo, a mobilização coletiva em prol do bem comum e o respeito pelas escolhas diferentes, valorizando a sua opinião em decisões nas quais os principais interessados e responsáveis, e, finalmente, permitir o conhecimento do mecanismo de voto;

3.      Para a concretização desta medida, o Ministério, através do Instituo de Gestão Financeira da Educação em articulação com a Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares, atribui à escola o valor equivalente a 1€ por cada aluno do 3º ciclo do ensino básico e do secundário;

4.      Pretende-se que os alunos apresentem propostas de intervenção na escola, as discutam e votem;

5.      As propostas apresentadas deverão identificar uma melhoria na escola, através de bens e/ou serviços que sejam necessários ou convenientes para a beneficiação do espaço escolar. Deverão ter como objetivo melhorar os processos de ensino-aprendizagem e dos quais beneficie toda a comunidade escolar;

6.      O Regulamento do Orçamento Participativo das Escolas faz parte integrante do Despacho nº 436-a/2017, do Gabinete do Ministro e será afixado no placar da Sala dos Alunos no Bloco C.

 

7.      A calendarização das atividades para a concretização da medida é a seguinte:

  • Abertura do procedimento para apresentação de propostas: >> final do mês de janeiro
  • Desenvolvimento e apresentação propostas: >> final do mês de fevereiro
  • Divulgação e debate das propostas: >> nos 10 dias úteis anteriores à votação
  • Votação das propostas: >> Dia do Estudante
  • Divulgação resultados: >> até ao final de março
  • Planeamento da execução: >> até ao final de maio
  •  Execução da medida: >> até ao final do respetivo ano civil

 

Mais artigos...

  1. Spelling Bee 2016
Monday the 25th. . Joomla 3.0 templates. All rights reserved.